segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

Salão Moto Brasil 2019! Partcipe

Acontecerá nos dias 30 de Maio a 02 de Junho, no Parque Olímpico da Barra da Tijuca/RJ o  Salão Moto Brasil 2019. Todos estão convidados a participar desse belo evento mesmo sendo só admirador de motos e do motociclismo. 

Em paralelo ao evento haverá muitas atrações inclusive para crianças.

Já está confirmada presença da Banda Faixa Etária que irá se apresentar no MOTO BRASIL OUTDOOR EXPERIENCE 2019! 

Os MOTOCLUBES e MOTOGRUPOS que se cadastrarem no evento irão ganhar dois ingressos para curtir o SMB 2019! 

Este ano estamos o SMB fez uma parceria com a SAPE (Sociedade dos Amigos da Pediatria do Hospital Gaffrée e Guinle), e estará arrecadando uma (01) lata de leite em pó integral que será doada para a nossa instituição.

Para maiores detalhes e cadastramento, acesse o site do evento clicando aqui 

SAPE- Abrace essa causa!

A doação e a retirada dos ingressos pelos MC e MG inscritos serão feitas no dia do Evento no guichê exclusivo dos Motoclubes e Motogrupos.

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Prestando contas do Sábado Solidário dia 10 novembro 2018

Aconteceu no dia 10 de novembro, mais um Sábado Solidário da SAPE. Como sempre, reinou aquele clima de alegria e confraternização entre os amigos que lá estiveram presentes e dentro da filosofia dos nossos SSS que é “quando os amigos se encontram”.

Além da presença de muitos assíduos amigos, tivemos a oportunidade de recepcionar alguns novos, em especial os do grupo de representante da Pastoral da Acolhida da Igreja de Santo Afonso na Tijuca, que foram levar as doações recolhidas na Pastoral e conhecer de perto os nossos trabalhos. Pudemos falar dos projetos da SAPE e alguns bons resultados. Falamos do apoio que recebemos de parceiros missionários como eles que há longo tempo nos apoiam de forma sistemática como a Igreja Luterena da Tijuca, a Primeira Igreja Batista de São Gonçalo, a Capela Nossa Senhora da Conceição localizada no Hospital Gaffrée e outras entidades religiosas. O grupo se manifestou encantados com o que viram e ouviram, nos convidaram para ir lá na Pastoral e se comprometeram a promover novas arrecadações.

No movimento de arrecadação vale registrar que recebemos dois doadores que lá foram entregar doações, fizeram a partir de arrecadação mobilizadas em suas respectivas festas de aniversário, abrindo mão de presentes pessoais para arrecadarem uma lata de leite para nossas crianças.

A todos, falamos dos bons resultados de nossa última Festa do Dia das Crianças, alguns números de resultados de tratamento do nosso grupo. Mostramos o vídeo de agradecimento da menina (I) que deixou gravado, quando de sua alta na 2ª. quinzena de outubro em muito bom estado de saúde, para todos que diretamente e indiretamente contribuíram para o seu tratamento. Ela é a criança em tratamento do pênfigo vulgar, uma doença mucocutânea crônica, autoimune e rara, conhecida como "fogo selvagem. A SAPE teve uma participação direta no tratamento apoiando a aquisição emergencial de materiais específicos para o tratamento e a cobertura de exames externos.

Empolgados com o resultado de nossa primeira alocação profissional de um ex-assistido, conversamos com alguns dos presentes sobre a possibilidade buscarem forma de apoiarem diretamente o nosso projeto de inserção no mercado de trabalho de meninos e meninas oriundos do nosso grupo de assistidos, até como Jovem Aprendiz. Todos, ficaram de avaliar em suas organizações oportunidades a serem oferecidas à SAPE. Falamos uma pouco das nossas próximas atividades de final de ano e já começamos a discutir as ações prioritárias a serem implementados em 2019.

Entre doadores, acompanhantes e voluntários da SAPE, envolvidos no SSS de novembro, totalizamos 47 pessoas, sendo que 31 estiveram presentes, e proporcionaram a arrecadação de 305 itens. Outros 16 doadores, que por algum motivo não puderam estar presentes, ou que assim desejam e fazem de forma sistemática, realizaram depósitos bancários diretamente em nossa conta corrente. Detalhes do arrecadado estão no Quadro – Resumo Arrecadação - no fim desse texto.

Prestação de Contas do SSS - dia 10-nov-2018
Registramos que o arrecadado ainda não cobre nossas demandas no mês, mas temos ainda a opção de recepção das doações em nosso plantão diário na SAPE (2ª. às 6ª. feiras) das 9 às 13hs, ou via depósito bancário diretamente na conta corrente da SAPE no Banco do Brasil (001), Agência 0093-0, Conta 41.418-2.

É sempre bom destacar a nossa satisfação em recepcionar os doadores, ter contato direto e a oportunidade de rever os amigos, conhecer novos colaboradores e conversar sobre as nossas atividades. Os resultados com o bem-estar do nosso grupo de assistidos só é possível, por existirem vocês doadores que sempre atendem às nossas chamadas com base em nossa lema – ABRACE ESTA CAUSA.



quarta-feira, 10 de outubro de 2018

ONU e lideranças religiosas discutem riscos do HIV e tuberculose para crianças


O Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (UNAIDS) e instituições parceiras promoveram na semana passada (27), em Nova Iorque, um encontro de líderes religiosos para discutir a relação entre as epidemias de HIV e tuberculose. Evento debateu os riscos vividos por grupos mais vulneráveis, como crianças e adolescentes. Por dia, 660 jovens morrem de tuberculose, e apenas 50% de todos os meninos e meninas com HIV estão em tratamento.

Na avaliação do chefe do UNAIDS, Michel Sidibé, esse cenário é “inaceitável”. Atualmente, 90% das crianças que morrem de tuberculose não recebem tratamento. “Líderes religiosos, por favor, ajudem-nos a acabar com o estigma e a discriminação”, pediu o dirigente do organismo internacional durante o diálogo ecumênico.

“O mais importante é trabalhar em conjunto com compaixão, amor, generosidade, empatia e gentileza. Com isso, mudaremos juntos o panorama das epidemias de HIV e tuberculose.”

O organismo da ONU lembrou que respostas bem-sucedidas à tuberculose e ao HIV abordam os determinantes biomédicos e sociais dessas infecções, como pobreza, desigualdade, situações de conflito e crise, violações de direitos humanos e criminalização.

Por terem posições de confiança no interior das comunidades, as organizações religiosas podem fornecer serviços e apoio que ultrapassam o alcance de muitos sistemas públicos de saúde.

“Nossa resposta à tuberculose e à AIDS não seria e não será a mesma que é hoje sem as comunidades religiosas. Agora há cinco ações fundamentais que precisamos tomar juntos. Educar, defender e combater o estigma. Continuar lutando pelo atendimento centrado no paciente. Dar voz aos sem voz, especialmente às crianças. Defender recursos para acabar com a tuberculose e o HIV. Pressionar para continuarmos fazendo parte da discussão”, afirmou o enviado especial do secretário-geral da ONU para tuberculose, Eric Goosby.

O evento em Nova Iorque também teve a participação de profissionais de saúde e de sobreviventes que foram infectados com uma variante da tuberculose resistente a diferentes tratamentos.

“Vi no raio-x um grande buraco no meu pulmão e pensei: por que fui exposta à tuberculose multirresistente a medicamentos? Eu dediquei minha vida a cuidar das pessoas. Mais tarde, tive a sorte de testar o primeiro novo medicamento para tuberculose em 40 anos. Salvou a minha vida e agora posso continuar falando e lutando para que muitos mais possam viver”, contou Dalene Von Delft.

As instituições e ativistas presentes no encontro reiteraram seu apelo a governos para que cumpram suas promessas junto à ONU — acabar com o HIV e com a tuberculose até 2030 como um problema de saúde pública.

FonteONUBr  Publicado em 03/10/2018 

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

O caso da criança com doença conhecida como Fogo Selvagem


Uma grande é muito boa notícia, nossa amiguinha I (9anos) teve uma melhora muito boa, seu corpinho já está quase que todo seco e com pele nova. 

Trata-se daquela ação emergencial que a SAPE se envolveu na compra emergencial de medicação e material para curativos de uma menina com a doença pênfigo vulgar que é uma doença mucocutânea crônica, autoimune e rara, conhecida como "fogo selvagem". Pela raridade da doença, ainda mais em crianças, o HUGG não tinha um pronto estoque do material necessário e a intervenção da SAPE foi a ponte de salvação até que o próprio hospital fizesse seu estoque.

O caso foi objeto de discussão na última semana na sessão clínica do Hospital Universitário Gafrrée e Guinle e a SAPE foi citada pelo corpo médico como parte da rede de condução da solução, junto com as equipes da pediatria, cirurgia, psiquiatria, nutrição, enfermagem e outras. 

O Chefe do Serviço de Pediatria enviou correspondência à SAPE informando dessa citação e pedindo que agradecêssemos a todos os apoiadores da SAPE que que contribuíram financeiramente no apoio da situação emergencial. 

domingo, 26 de agosto de 2018

Como foi o nosso Sábado Solidário de agosto 2018


Mais um Sábado Solidário de muita interação e bela arrecadação de doações materiais e depósitos financeiros, o abraço antecipado aos amigos pelo dia dos pais, a troca de muitas ideias, assim como a discussão sobre a preparação de novas atividades e como sempre, a prestação de conta de resultados e atividades da SAPE no período. Tudo de forma bem descontraída que muitos já consideram como uma “audiência pública da SAPE”. Foi nesse clima que realizamos o nosso Sábado Solidário no dia 11 de agosto 2018, sem esquecer de falar do cafezinho e biscoitos!

Envolvidos no SSS de agosto/2018, tivemos um total de 44 pessoas, onde 26 amigos estiveram presentes e outros 18 que por algum motivo não puderem comparecer, mas fizeram sua contribuição por meio de depósito bancário diretamente na conta corrente da SAPE que totalizou um crédito de R$ 2.255,00, valores computados até o dia 17/agosto.

Entre os assuntos conversados no dia, destacamos o apoio da SAPE, na primeira semana de agosto, na compra de material para atender a pediatria do HUGG no tratamento de uma criança internada com uma patologia rara (penfigo vulgar) conhecida como "fogo selvagem", despesa essa que ficou na ordem de quatro mil reais. Conversamos e fizemos o lançamento da Festa do Dia das Crianças da SAPE – FDC – que irá acontecer no dia 27 outubro e a chamada para o apoio, participação e divulgação da 8a. Festa da Solidariedade, que acontecerá no dia 02/09/2018 - às 10h30hs, realizada pela Primeira Igreja Batista em São Gonçalo – PIBSG - em prol da SAPE que tem como lema "Eu me importo com as crianças Soro Positivo".

Ainda como atividade do SSS, tivemos a oportunidade de fazer uma visita as obras da enfermaria do Hospital que está em seu estágio final e com previsão de inauguração ainda em agosto, visita essa ciceroneada pelo Dr. Fernando Ferry, Diretor Geral do HUGG.  

A resposta ao nosso chamado para doação Leite em pó Integral rendeu bons resultados, pois conseguimos arrecadar 246 cotas de leite de 400gr (latas ou saches), considerando o latão de 800gr como 2 unidades de 400 gramas que com os demais itens arrecadados no dia totalizaram 419 itens. Detalhes no Quadro I.
Todos que não puderam comparecer ao Sábado Solidário, e queiram fazer sua doação para a causa da SAPE, podem entregá-las de 2ª. a 6ª.feira, diretamente em nossa sala, que fica localizada na ala da Pediatria do Hospital Gaffrée e Guinle (com entrada pelos fundos do hospital na Rua Silva Ramos, 100) ou podem fazer a doação via depósito bancário na conta corrente da SAPE no Banco do Brasil (001). Agência 0093-0, Conta 41418-2, avisando sobre o depósito para que possamos emitir o agradecimento.

O próximo Sábado Solidário está previsto para acontecer em 08 de setembro, a ser confirmado por conta do feriado prolongado do dia 07.
QUADRO I


sábado, 30 de junho de 2018

SAPE não terá expediente nesta 2ª-feira, dia de jogo do Brasil na Copa do Mundo



A SAPE informa que não haverá expediente em sua sede na próxima segunda-feira (02/07), por conta do jogo na Copa do Mundo entre Brasil e México, pelas oitavas de final. As atividades serão retomadas normalmente na terça-feira dia 03-julho. Caso alguém só tenha condições de fazer a sua doação nesse dia, é só nos avisar pelo email sape.amigos@terra.com.br que daremos um jeito de estarmos por lá para recepcioná-lo.

domingo, 17 de junho de 2018

SC e outras 12 cidades catarinenses assinam a Declaração de Paris e se comprometem a acabar com a epidemia de AIDS até 2030



O governo de Santa Catarina e outras 12 cidades catarinenses assinaram, nesta quarta-feira (13/06), em Florianópolis, a Declaração de Paris. Lançada na capital francesa pelo UNAIDS em 2014, a carta de compromisso marca o comprometimento dos municípios com a estratégia de Aceleração da Resposta nas Cidades (Fast-Track Cities) rumo ao fim da epidemia de AIDS como ameaça à saúde pública até 2030. O estado e os municípios catarinenses unem-se a outras 30 cidades brasileiras, o Distrito Federal e o estado do Rio Grande do Sul, que já assinaram a Declaração em anos anteriores. Juntos, esses municípios respondem por uma população de mais de 47 milhões de brasileiros.

A Declaração de Paris estabelece, entre outros pontos, o compromisso com as metas de tratamento 90-90-90—que, até  2020:  90% das pessoas vivendo com HIV estejam  diagnosticadas; que destas, 90% estejam em tratamento; e que 90% destas pessoas tenham carga viral indetectável. Além das metas de tratamento, os prefeitos se comprometem a colocar as pessoas no centro das ações e a enfrentar as causas do risco, das vulnerabilidades e da transmissão do HIV em suas localidades. Leia mais aqui

Referência: UNAIDS BR
Postado em 14-junho-2018